Policial

Polícia prende suspeito de matar o Sargento Anchises em Maricá

O homem apontado como o assassino do sargento Anchises Avelino de Azevedo Neto foi preso, na tarde desta segunda-feira (15/10), no bairro do Boqueirão em Maricá.

Os policiais informaram que receberam informações sobre o paradeiro do criminoso, que ceifou a vida do Sargento Anchises, através do Disque Denuncia, e rapidamente, os PM’s montaram uma operação e foram até o endereço. Chegando na localidade, os policiais encontraram o traficante Junior Carelo Guimarães, de 27 anos, vulgarmente conhecido na cidade de Maricá como “Junior Cão”, no interior da residência de sua irmã.

O criminoso foi detido e encaminhado para a Sede da Divisão de Homicídios, em Niterói.

“Junior Cão” foi preso pelo Sargento Anchises Avelino, no dia 21 de setembro, a mais ou menos um mês atrás. Por tráfico de drogas. https://jornalomarica.com.br/2018/09/21/policia-militar-surpreende-traficante-dentro-de-barbearia-na-cidade-de-marica/

Anchives foi assassinado, por volta das 23h40 do último domingo, na Rua Prefeito Joaquim Mendes, nas proximidades da comunidade do Saco da Lama. A vítima estava de folga e trafegava em sua moto, quando bandidos da localidade o reconheceram e atiraram contra ele. O PM foi atingido com cinco disparos e morreu no local.

Com a morte do sargento, já chega a 106 o número de agentes de segurança, assassinados no Rio em 2018. Sendo 82 da Polícia Militar, seis da Polícia Civil, quatro agentes penitenciários da Seap, sete do Exército, um guarda municipal de Silva Jardim, um policial federal, dois agentes da Marinha, dois bombeiros e militar da Aeronáutica.

Somente entre os dias, 6 a 8 deste mês, seis agentes morreram, sendo três PMs, um policial civil, um cabo da Marinha e um militar.

Denuncie, com o Disque Denuncia o anonimato é garantido. Telefone: 2253-1177 ou pelo Whatsapp (21) 98849-6099.

Veja Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close