Policial

Mulher passa constrangimento ao ter que tirar a roupa em porta giratória no Banco Itaú

Indignada por não conseguir entrar em uma Agência do Banco Itaú em Maricá, nesta segunda-feira (12/03), a Senhora Maria das Dores, de 60 anos, tirou a roupa para mostrar para o segurança do Banco, que não portava nenhum tipo de arma.

A senhora Maria informou que ao chegar na Agência do Banco Itaú, a porta giratória travou como se a senhora tivesse algum impedimento. Maria tirou todos os objetos que tinha dentro de sua bolsa, e mostrou para o segurança que não tinha nenhum tipo de objeto que obstruía a sua passagem, e mesmo assim o detector da porta giratória travava.

Revoltada pelo constrangimento que estava passando no Banco, a única opção de Maria foi tirar quase todas as roupas, para poder provar que não tinha mais nada em seu corpo, ficando de calcinha e top. O gerente do Banco Itaú, após permitir que a cliente sofresse esse constrangimento, o gerente liberou a entrada da senhora no banco.

A senhora Maria das Dores é cliente do Banco Itaú há mais de 10 anos. Após pagar todas as contas, a senhora foi até a Delegacia de Maricá, registrar o constrangimento e a situação vexatória que passou no Banco Itaú.

Veja Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close