EXCLUSIVO: Banhistas correm risco de morte nas praias e lagoas de Maricá

EXCLUSIVO: Banhistas correm risco de morte nas praias e lagoas de Maricá

Compartilhar

O jornalista do JOM (Jornal O Maricá), recebeu inúmeras denúncias de diversas situações que estão acontecendo na cidade de Maricá, nos finais de semana, e foi à rua nesse Domingo (21/01/18), para checar as denúncias.  Já no início, encontrou “aviões” há menos de 2 metros de altura dos banhistas e muita farra nas lagoas da cidade. (ASSISTA AO VÍDEO) 

Na praia da Barra de Maricá, o JOM já constatou uma gritante violação a segurança dos banhistas e de uso irregular do espaço aéreo. Os pilotos de “PARAPENTES MOTORIZADOS”, passam em uma altura a menos de 2 metros dos banhistas em vôos rasantes, pousam e decolam no meio dos banhistas, colocando em clara e nítida iminência a vida das crianças que brincam pela praia. (ASSISTA AO VÍDEO) 

Já em uma volta pelas lagoas de Maricá, foram encontrados a farra dos “turistas”, que fazem churrasco à beira da lagoa (deixando a sujeira por todos os lados). Muitos fazem uso de todos os tipos de bebidas alcoólicas e vão pilotar Jet Ski, e depois pegam seus carros para irem embora, colocando a vida de crianças e dos cidadãos maricaenses em risco, tanto na lagoa, quanto nas estradas. Na lagoa (Garota de Maricá), o JOM flagrou um veículo com as rodas dentro da lagoa, que teria “atolado”. A Equipe do JOM foi registrar o fato e foi hostilizada por pessoas aparentando não estarem em seus estados normais. Ressalta-se que 99% desses “turistas”, já trazem suas bebidas e comidas, não consumindo nada em Maricá.

Em Itaipuaçu, é grande a farra dos Quadriciclos nas areias da praia, onde disputam espaço com os banhistas e motoristas nas ruas, muitos sendo pilotados por crianças.

Por todos os lugares que a equipe do JOM passou, não encontrou nenhuma fiscalização da prefeitura e nenhuma viatura da PM, para coibirem tais absurdos. Segundo um banhista, falou que: ” Será que eles vão esperar acontecer uma tragédia para tomarem providências?”

A fiscalização de repreensão tanto da Prefeitura (Secretaria de Segurança), quanto da PM, parece ser tão somente para os moradores de Maricá, porque só acontecem no meio da semana, apreendendo os carros e motos somente dos moradores da cidade, deixando os “Turistas” de São Gonçalo, Itaboraí, Belford Roxo e outros municípios, livres para fazerem o que quiserem em Maricá.  Muitos moradores de Maricá estão com muito medo e apreensivos com a chegada do carnaval, “se antes está assim, imagina com uma quantidade muito maior desses turistas”, disse dona Francisca.

(ASSISTA AO VÍDEO)