OUTRO EX GOVERNADOR PRESO NO RIO DE JANEIRO

OUTRO EX GOVERNADOR PRESO NO RIO DE JANEIRO

Compartilhar
Foto G1

Dizem que um raio não cai no mesmo lugar duas vezes, mas no Estado Rio de Janeiro, em menos de 24 horas, dois ex governador foram presos.

A Policia Federal prendeu, nessa manhã, o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB). Segundo investigações, Cabral é suspeito de comandar uma organização criminosa que recebeu mais de R$ 200 milhões em propinas de diversas obras no Estado.

Segundo a PF, 230 policiais federais cumpriram 38 mandados de busca e apreensão, 10 mandados de prisão e 14 de condução coercitiva, (quando a pessoa é convidada a ir à delegacia para prestar depoimento imediatamente). A esposa de Cabral, ex-primeira-dama e advogada Adriana Ancelmo, está entre esses. O Ministério Público Federal chegou a pedir a prisão de Adriana, mas a Justiça Federal não acatou o pedido.

O comboio da Polícia Federal saiu bem cedo, ainda era de madrugada, pelo menos em oito endereços, em cinco cidades tiveram a visita da PF nessa manhã. O alvo principal da PF e mais importante era a casa do ex-governador Sergio Cabral que foi preso na sua residência e levado para as dependências da PF.

Cabral sempre foi um grande parceiro do prefeito de Maricá. O prefeito de Maricá Quaqua e sua exposa a deputada estadual Zeidan abraçaram Pezão, logo após Cabral passar o governo para Pezão.

Foto ISM
Foto ISM